Tubulação em canal rompe e causa grande desperdício de água no litoral de SP; VÍDEO | Santos e Região

O rompimento de uma válvula na tubulação de um canal em São Vicente, no litoral de São Paulo, causa um grande vazamento de água e deixa moradores receosos para a eventuais problemas com o fornecimento de água. O dano foi causado na manhã desta sexta-feira (29) por equipes da Secretaria de Serviços Públicos (Sesep) que realizavam uma manutenção preventiva no local.

O problema foi registrado pelos moradores da Avenida Monteiro Lobato, no bairro Voturuá. Ao g1, a moradora Debora Nascimento, de 37 anos, contou que percebeu o vazamento por volta de 8h e se assustou com a pressão intensa da água. “Eu e os outros moradores estamos preocupados de ficar se abastecimento no bairro com tamanho desperdício”, revelou à reportagem.

Manutenção da Prefeitura de São Vicente, SP, rompe tubulação de canal e grande quantidade de água é desperdiçada. — Foto: c/ g1

Debora diz ter acionado, por telefone, a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) e, apesar das reclamações, a demanda demorou a ser atendida. “Litros e litros de água potável estão indo embora”, lamenta Debora.

Em nota, a prefeitura informou que equipes da Sabesp e da própria administração municipal estão no local trabalhando para que nenhum morador seja prejudicado.

Até a publicação desta reportagem, o vazamento ainda não havia sido contido. O local precisou ser interditado pelos agentes de trânsito.

Vazamento alcançou metros de altura devido à pressão da tubulação. — Foto: Debora Nascimento

Ao g1 a Sabesp informou que, em decorrência dos danos causados à adutora de água tratada, equipes trabalham para resolver a situação em caráter emergencial. A companhia disse ter sido avisada sobre o rompimento pela prefeitura e que logo enviou técnicos ao local.

Ainda segundo a empresa, a distribuição de água é mantida pelo reservatório Voturuá, que abastece os bairros da área insular de São Vicente, alguns da área continental (Quarentenário, Jardim Irmã Dolores e Vila Ponte Nova), além de parte da Zona Noroeste de Santos, como a Vila São Jorge, Caneleira, Morro da Caneleira, Jardim Castelo, Areia Branca, Santa Maria, Rádio Clube, Bom Retiro, Ilhéu Alto e Baixo.

A Sabesp afirmou, ainda, que busca concluir os reparos o mais breve possível e orienta aos moradores dessas regiões o uso consciente da água dos reservatórios domiciliares.

“Não sentirão alteração no consumo os ocupantes de imóveis com caixas-d’água dimensionadas para, ao menos, 24 horas de consumo, de acordo com as normas técnicas. E para atender emergências, a Sabesp disponibiliza caminhões-tanque”, disse em nota.

A população pode entrar em contato com a companhia pelos canais de atendimento, que funcionam durante 24 horas, pelos telefones 195 ou 0800-0550-195.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar