Tio salva sobrinha de 10 anos de estupro; suspeito era amigo da família e atraiu a criança com doces | Santos e Região

O tio de uma criança de 10 anos evitou que ela fosse estuprada em Apiaí, no interior de São Paulo. O suspeito é um amigo da família, de 22 anos, que atraiu a vítima com doces para a casa dele. O homem, porém, foi impedido a tempo de consumar do crime. O tio da menina e moradores vizinhos agrediram o rapaz antes de a Polícia Militar chegar e prender o homem.

De acordo com a avó da vítima, que não quis se identificar, o suspeito estava na casa dela com a menina antes da tentativa de estupro de vulnerável, na tarde do último domingo (4), no bairro Lageado. “Estou em choque”, disse a mulher.

A avó da criança revelou conhecer o criminoso “desde pequeno”. “Cuidava dele. Era de casa. Um bom ‘piá’ [menino], não imaginava isso. Ele estava aqui [na casa da avó] como sempre, pois é muito amigo dos meus filhos. Ele estava bêbado e foi embora, mas convidou ela [criança] para ir junto e ela foi”.

“Criança é inocente, né? Nós não vimos [ele levando], só percebemos que ela tinha sumido”, disse.

Segundo a avó, ao perceber que todos estavam procurando pela menina, o irmão da vítima, de 5 anos, falou para a mãe que a irmã havia saído do local com um homem. Foi quando o tio dela pensou que o jovem que estava na casa deles poderia ter levado a menina.

Ao chegar à casa do suspeito, o tio da vítima encontrou os dois. “Ele [o tio] chegou lá a tempo e graças a Deus não aconteceu o pior”, disse a avó.

A mãe da menina, muito abalada, disse que a criança revelou ter sido atraída pelo homem com doces, e que a filha levou socos na barriga e tinha marcas de esganadura. Ela confirmou que o suspeito estava na casa da mãe dela e agradece ao irmão por ter salvado a criança.

De acordo com Polícia Militar, quando os agentes de segurança chegaram ao local do crime, a população estava revoltada e ‘fazendo justiça com as próprias mãos’. Os policiais conduziram o suspeito para a delegacia, onde ele permaneceu preso.

Segundo a Polícia Civil, o criminoso foi preso em flagrante por estupro de vulnerável, e após audiência de custódia, que aconteceu nesta segunda-feira (5), ele foi levado para a penitenciária Doutor Antônio de Souza Neto, em Sorocaba (SP).

Ainda segundo a Polícia Civil, o Conselho Tutelar encaminhou a vítima para o Instituto Médico Legal (IML), para realizar o exame de corpo de delito. Ao g1, a avó da menina afirmou que a criança será encaminhada para atendimento psicológico.

A avó ressaltou que ficou muito triste com a situação e que a neta está com medo. “Ela é uma criança de dez anos, mas, se você olhar para ela, pensa que ela tem seis, pois é muito pequena. Dói para mim como mãe, e eu fico pensando no sofrimento da mãe dele também. Apesar de tudo, eu não quero o mal dele, pois conheço bem a família e sei que ele é bom, o que estraga é a bebida”, confessou.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar