Suspeito de matar ex-companheira é preso após ser localizado trabalhando em obra no litoral de SP | Santos e Região

Um homem de 37 anos suspeito de ter matado a ex-companheira foi preso em Guarujá, no litoral paulista, após ser localizado pela Polícia Civil. O homem era procurado por um feminicídio cometido em Santana de Parnaíba, na Região Metropolitana de São Paulo, e foi localizado nesta quinta-feira (14), trabalhando em uma obra no bairro Vila Áurea.

Segundo a polícia, o suspeito foi capturado por equipes do 2º DP da cidade. Ele é suspeito de ter matado a ex-companheira, de 42 anos, no dia 12 de outubro.

A vítima foi encontrada morta dentro de sua residência, com várias lesões espalhadas pela face e corpo, conforme informado pela polícia. Durante as investigações, as equipes descobriram que o procurado estaria trabalhando como pedreiro em uma casa situada no bairro Vila Áurea.

Após identificarem o canteiro de obra, os policiais civis se dirigiram ao endereço e capturaram o suspeito. A polícia reitera que a troca de informações entre as equipes de investigação das delegacias de Defesa da Mulher de Barueri e do 2º Distrito de Guarujá permitiram a localização e detenção do homem.

Após os procedimentos legais referentes ao cumprimento de mandado de prisão temporária, o capturado foi encaminhado ao sistema carcerário, onde seguirá à disposição da Justiça.

VÍDEOS: As notícias mais vistas do g1


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar