Santos volta a aplicar CoronaVac como dose de reforço a partir desta quarta | Mais Saúde

A Prefeitura de Santos, no litoral de São Paulo, voltará a oferecer a CoronaVac como dose de reforço contra a Covid-19 nesta quarta-feira (10), para os idosos acima de 60 anos, imunossuprimidos e trabalhadores da saúde. A medida, segundo o município, segue recomendação do Governo do Estado, de utilizar o imunizante que estiver mais disponível para a aplicação em dose de reforço.

Conforme a administração, a vacina estará disponível em cinco postos, das 8h às 16h, e também será oferecida como primeira dose para quem tem mais de 18 anos, e em segunda dose para quem já completou o intervalo da primeira (28 dias).

O imunizante da Pfizer será destinado exclusivamente para a primeira e segunda doses dos adolescentes de 12 a 17 anos, já que é a única vacina aprovada pela Anvisa para essa faixa etária, e também para quem tomou a primeira dose da AstraZeneca e necessita completar o esquema vacinal. O intervalo entre essas doses é de 12 semanas, de acordo com o governo estadual.

Santos está vacinando em primeira dose qualquer pessoa a partir de 12 anos de idade. Com a segunda dose, quem já cumpriu o intervalo da primeira: CoronaVac, 28 dias; AstraZeneca, 8 semanas; Pfizer, 21 dias para pessoas com 18 anos ou mais, e 56 dias para jovens de 12 a 17 anos.

O município disponibiliza, ainda, a dose de reforço para pessoas com 60 anos ou mais (que tenham tomado a segunda dose ou única há 60 dias), trabalhadores da saúde (que tenham tomado a segunda dose ou única há 60 dias) e para imunossuprimidos (a partir de 18 anos, que tenham tomado a segunda dose ou única há 28 dias).

A prefeitura destaca que, para se imunizar, todos devem apresentar documento com foto, CPF e comprovante de residência em Santos. Para a segunda dose e dose de reforço, devem levar a carteirinha da campanha de vacinação contra a Covid-19. Imunossuprimidos também devem apresentar algum comprovante de sua condição (cópia de laudo, exame ou declaração do médico, por exemplo).

Quem for aos postos de vacinação pode contribuir com doações de mantimentos e itens de higiene pessoal e de limpeza, que serão encaminhados pelo Fundo Social de Solidariedade (FSS) a famílias em situação de vulnerabilidade.

Pfizer – Primeira dose (acima de 12 anos) / Segunda dose (intervalo de 21 dias: acima 18 anos) / Segunda dose (intervalo de 8 semanas = 56 dias: de 12 a 17 anos)

  • Castelo – CEU das Artes – Praça da Paz Universal, s/nº
  • Policlínica Bom Retiro – Rua João Fraccaroli, s/nº
  • Policlínica Martins Fontes – Rua Luiza Macuco, 40, Vila Mathias

CoronaVac – Primeira dose (acima de 18 anos) / Segunda dose (intervalo de 28 dias) / Dose de reforço (intervalo de 60 dias: trabalhadores da saúde e acima de 60 anos) / Dose de reforço (intervalo de 28 dias: imunossuprimidos)

  • Aparecida – Clube Atlético Santa Cecília – Rua Comendador Alfaia Rodrigues, 269
  • Castelo – CEU das Artes – Praça da Paz Universal, s/nº
  • Policlínica São Manoel – Praça Nicolau Geraigire, s/nº
  • Policlínica Vila Mathias – Rua Xavier Pinheiro, 284
  • Marapé – Escola de Samba União Imperial – Rua São Judas Tadeu, 20

VÍDEOS: As notícias mais vistas do g1


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar