Santos/SP realiza a 10ª Semana da Diversidade Sexual e a 4ª Parada do Orgulho LGBT

No dia 03 de outubro, domingo, a partir das 15h, acontece a 4ª Parada do Orgulho LGBT de Santos. O evento tem apoio do +Orgulho, programa criado pela Amigxs da Arte, responsável pela gestão do Museu da Diversidade Sexual (MDS) através do Programa de Apoio à Cultura LGBT+, órgão da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Apoiam também o evento a Prefeitura Municipal de Santos (Coordenadoria de Diversidade) e a rede de hotéis Accor e a MSC. As ações serão veiculadas, pelo segundo ano consecutivo, no Youtube da Parada Santos Oficial.

 

A Parada do Orgulho LGBT é uma manifestação da diversidade contra a LGBTfobia e por igualdade de direitos que acontece em várias cidades do mundo e, finalmente, em Santos, onde é celebrado o orgulho e a cultura da comunidade LGBT+.  Os seus objetivos são de atrair a atenção da população para o combate ao preconceito de identidade de gênero e de orientação sexual, promover a visibilidade, pautas e demandas da comunidade LGBT+, divulgar a produção artística LGBT+ da região da Baixada Santista, assim como fortalecer a luta para a formação de uma sociedade mais justa, solidária, ética e plural.

O evento deste ano segue a mesma temática da 25ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo e a sua escolha se deve aos 40 anos de início da epidemia de HIV/Aids completados atualmente.

As atividades desenvolvidas contam  com a participação ao vivo da drag queen Tchaka e do apresentador Lucas Cairo. Alegrarão também a tarde de domingo, vinte artistas: Akkiyra Rios, Ariella Ka, Artista Audaz, Bella Vellaskez, Kamilly Rios, DJ Caio Panighel, DJ Léo Costa, DJ Dóla Rodrigues, Fucksia, Gabi Anjos, Kryartura, Leci Brandão Cover, Magenta, Olivia Oli, Patrycia Nunes, Punk Klô, Satanaja Vermillion, Tila Rios, Vinih Amorim e Violetta.

10ª SEMANA MUNICIPAL DE DIVERSIDADE SEXUAL DE SANTOS

A 10ª Semana Municipal de Diversidade Sexual de Santos contará com palestras e mesas redondas que abordarão o tema HIV/Aids. A cidade de Santos é reconhecida historicamente como uma referência no assunto devido ao pioneirismo do seu Programa Municipal de HIV/AIDS, criado em 1989 e que serviu de modelo, por muitos anos, para grande parte da resposta brasileira contra a epidemia.

A 10ª Semana Municipal de Diversidade Sexual de Santos pretende resgatar esse protagonismo e refletir sobre as situações de vulnerabilidade às quais são expostos membros da comunidade LGBT+, os estigmas e preconceitos sofridos pelas pessoas que vivem com HIV/Aids, as políticas públicas de controle e enfrentamento à epidemia e a saúde como direito de todxs.

Serviço
29 de Setembro a 01 de Outubro de 2021, a partir das 19h, de forma virtual
Transmissão pelo youtube: Parada Santos Oficial

 

Programação Completa

Dia 29/09/2021

19h00 – Abertura Oficial

19h30 – Palestra “Com o HIV pude enxergar o copo meio cheio

Palestrante: João Geraldo Netto, estrategista de marketing, gestor de informação e especialista marketing digital e sexualidade, freelancer, youtuber e ativista de direitos humanos. administrador da página do instagram denominada “Superindetectável”

Mediador: Paolo Daniel Carlos Henrique Felipe de Oliveira, assistente social, membre da Comissão Municipal de Diversidade Sexual, na cadeira de movimentos sociais e vice-diretor de captação de recursos e projetos da Associação da Parada do Orgulho LGBT de Santos

 

Dia 30/09/2021

19h00 – Palestra “Pesquisa de vacinas e outras profilaxias para prevenção do HIV

Palestrante: Dr. Fábio Mesquita, médico infectologista, membre do corpo técnico do Departamento de HIV e Hepatites Virais da OMS; Entre 2013 e 2016 foi diretor do então Departamento de DSI, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde; Já coordenou os programas municipais de DST/Aids nos municípios de Santos, São Vicente e São Paulo.

Mediadora: Daniella Stazack de Araújo, psicóloga, membre da Comissão Municipal de Diversidade Sexual, representante do CRP – Conselho Regional de Psicologia e vice-presidente da Associação da Parada do Orgulho LGBT de Santos.

 

Dia 01/10/2021

19h00 – Roda de conversa “Cenário Epidemiológico do HIV, prevenção e cuidado no Brasil

Palestrantes: Ariadne Ribeiro Ferreira (UNAIDS); Ivone de Paula (CRT-SP); Almira Dias Marques (SMS- Prefeitura de Santos)

Mediadora: Taiane Miyake (CODIVER – Prefeitura de Santos)

A transmissão ao vivo será realizada pelo Youtube da Parada Santos Oficial e pelo Facebook da Comissão Municipal de Diversidade Sexual [@Comissaosantosdiversidade] e da Associação da Parada do Orgulho LGBT de Santos [@APOLGBTSantos].
Quem desejar certificado de participação emitido pela Unifesp (6h) precisa se inscrever em: https://sistemas.unifesp.br/acad/proec-siex/index.php?page=INS&acao=2&code=20671

 

 

Sobre o Museu da Diversidade Sexual

Primeiro equipamento cultural da América Latina relacionado à temática, o Museu da Diversidade Sexual foi criado em maio de 2012 e é uma instituição vinculada à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Sua missão é preservar o patrimônio sócio, político e cultural da comunidade LGBTIQA+ brasileira através da coleta, organização e disponibilização pública de referenciais materiais e imateriais. As atividades culturais, educativas e expositivas do MDS têm foco nas orientações, identidades e expressões de gênero dissidentes.

 

Sobre a Amigxs da Arte

A Amigos da Arte, Organização Social de Cultura responsável pela gestão do Museu da Diversidade Sexual (MDS), trabalha em parceria com o Governo do Estado de São Paulo e iniciativa privada desde 2004. Música, literatura, dança, teatro, circo e atividades de artes integradas fazem parte da atuação da Amigos da Arte, que tem como objetivo difundir a produção cultural por meio de festivais, programas continuados e da gestão de equipamentos culturais públicos como o Teatro Sérgio Cardoso e o Teatro Estadual de Araras. Saiba mais em: www.amigosdaarte.org.br.

 

Museu da Diversidade Sexual (MDS)

Estação República do Metrô, n° 24. R. do Arouche – República. São Paulo (SP).

O museu está localizado dentro da Estação República do Metrô, atrás da bilheteria. Piso Mezanino, loja 518.

 

Site/plataforma:

www.culturaemcasa.com.br

www.amigosdaarte.org.br

www.mds.org.br

 

Redes Sociais:

https://www.facebook.com/museudadiversidadeoficial/

https://www.instagram.com/museudadiversidadesexual/

https://twitter.com/mus_diversidade/

 

https://www.facebook.com/amigosdaartesp/

https://www.instagram.com/amigosdaartesp/

https://twitter.com/amigosdaartesp

 

 

Sobre a APOLGBT – Santos

Associação civil, sem fins lucrativos, com objetivos voltados à promoção de atividades e finalidades de relevância pública e social, a luta pela garantia de visibilidade e dos direitos civis e para fins de defesa e representação legal dos interesses coletivos e individuais de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e quaisquer outras orientações sexuais, identidades ou expressões de gênero.

 

Sobre a Comissão Municipal da Diversidade Sexual de Santos

Órgão consultivo e de apoio do Poder Executivo de Santos, colabora na elaboração, promoção e acompanhamento da execução de projetos e programas destinados ao público LGBTQIA+, recebe sugestões e denúncias oriundas da sociedade civil, solicita aos órgãos competentes providências para garantir o cumprimento da legislação pertinente aos direitos da população LGBTQIA+, entre outras finalidades.

 

Redes Sociais:

https://www.facebook.com/APOLGBTSantos/

https://www.instagram.com/paradasantosoficial/

https://www.youtube.com/c/ParadaSantosOficial

 

A Parada do Orgulho LGBT de Santos e a 10ª Semana Municipal da Diversidade Sexual são organizados pela Comissão Municipal de Diversidade Sexual de Santos e pela Associação da Parada do Orgulho LGBT de Santos e contam com os apoios da Prefeitura Municipal de Santos (Coordenadoria de Diversidade), da Associação Paulista dos Amigos da Arte, do Museu da Diversidade Sexual de São Paulo, do Programa Mais Orgulho SP, da Universidade Federal de São Paulo, da Accor e da MSC.

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar