Quadrilha invade casa de veraneio, faz família refém e rouba mais de R$ 30 mil em pertences no litoral de SP



Um dos suspeitos morreu, dois foram presos e um apreendido. Crime aconteceu na terça-feira (27), na praia de Pernambuco, em Guarujá. Família é algo de criminoso e tem mais de R$ 30 mil em pertences no litoral de SP
Arquivo/ Polícia Militar
Quatro criminosos invadiram a casa de veraneio, fizeram uma família refém e roubaram mais de R$ 30 mil em objetos em Guarujá, no litoral de São Paulo. Um dos suspeitos morreu durante a fuga. Dois assaltantes foram presos e o terceiro, que era menor de idade, foi levado para a Fundação Casa.
O crime aconteceu na terça-feira (27), na praia de Pernambuco. De acordo com o boletim de ocorrência, a família é do interior de São Paulo, e alugou a casa para passar as festas de final de ano.
As vítimas contaram à polícia que, por volta das 12h, estavam abrindo o portão da casa quando um homem armado anunciou o roubo. Ele rendeu um dos turistas com coronhadas no pescoço e, na sequência, outros três criminosos invadiram a residência alugada.
Segundo a família, os criminosos ameaçaram as vítimas apontando a arma para eles. Enquanto isso, o restante do grupo pegava os objetos e os pertences das pessoas. Após a ação, o grupo fugiu no veículo da família, que estava estacionado na porta da casa.
Além da caminhonete de luxo, os criminosos também levaram relógios de pulso, dois colares de ouro, quatro alianças, um anel com pedras, telefones celulares, carteira com documentos pessoais e cartões de crédito, bolsas, óculos de grau, um aparelho de som, além de R$ 1 mil em dinheiro.
Fuga e prisão
Segundo a Polícia Civil, a Guarda Municipal e a Polícia Militar foram chamadas para atender um roubo a residência. No caminho até a casa, uma das viaturas da PM encontrou os moradores imobilizando um dos indivíduos. Com ele, foi encontrado quatro alianças de ouro, dois pingentes, uma corrente e um relógio. Ele foi levado à Delegacia Sede de Guarujá
As demais viaturas seguiram em direção a casa roubada. No local, testemunhas informaram as autoridades que um dos assaltantes havia fugido para a casa vizinha. Os policiais iniciaram as buscas e encontraram o homem escondido no quintal. Ao perceber a presença do policiais, o criminoso sacou um revólver.
Neste instante, um policial militar efetuou três disparos e atingiu o suspeito, que ficou desacordado. Ele estava com seis munições e alguns pertences das vítimas. O Serviço Móvel de Emergência foi chamado no local e após atendimento, ele foi encaminhado ao Hospital Santo Amaro. O suspeito não resistiu aos ferimentos e morreu.
Ainda durante as buscas, outros dois criminosos foram localizados andando pelas ruas próximas a casa da família. Diante das características informadas pelas vítimas, a polícia os abordou e, durante a revista pessoal, nada foi encontrado. Eles foram encaminhados à delegacia para prestar esclarecimentos.
A Polícia Militar localizou o veículo roubado abandonado nas proximidades do local do crime. Diante dos fatos, a autoridade policial determinou a prisão em flagrante dos criminosos presos. Um deles era um adolescente de 17 anos, que foi apreendido e encaminhado para a Fundação Casa de Guarujá.
O caso foi registrado como roubo de residência e homicídio decorrente de oposição à intervenção na Delegacia Sede de Guarujá.
VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar