Prefeitura de Itanhaém alerta sobre número elevado de pacientes faltosos em consultas e exames médicos | Mais Saúde

A prefeitura de Itanhaém, no litoral de São Paulo, alerta sobre o número elevado de pacientes faltosos em consultas e exames médicos agendados na rede municipal de Saúde, o que impede que outra pessoa seja atendida. A recomendação é que o beneficiário desmarque a consulta com antecedência mínima de 24h.

No município, a taxa de absenteísmo em consultas tem uma média de 25%, chegando a mais de 30% em exames como eletrocardiograma e 40% em raio-x. Faltar a uma consulta, sem aviso prévio, ocasiona transtornos como o aumento de tempo na fila de espera e, consequentemente, reclamações em relação à demora do atendimento, como ainda o desperdício de recurso público.

Por meio de nota, a secretária de Saúde, Guacira Nóbrega Barbi, disse que é fundamental que a população de conscientize e colabore com o trabalho dos profissionais e também com os usuários do sistema de Saúde.

De acordo com a prefeitura, para cancelar uma consulta agendada e contribuir com a redução do índice de absenteísmo, é recomendado que o paciente informe à Unidade de Saúde da Família (USF), ou avise ao Agente Comunitário de Saúde do bairro onde mora. O ideal é que a ausência seja notificada com, ao menos, 24h de antecedência, para que outro paciente seja agendado.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar