Prefeitura de Guarujá anuncia que não realizará queima de fogos no Réveillon | Santos e Região

A Prefeitura de Guarujá, no litoral de São Paulo, anunciou que não realizará queima de fogos no Réveillon deste ano. Segundo a administração municipal, a decisão foi tomada em uma reunião realizada nesta segunda-feira (18). A prefeitura ainda estuda se vai autorizar a realização de eventos fechados, com controle de público.

A reunião foi promovida pelo gabinete permanente destinado a analisar a dinâmica da pandemia de Covid-19 em Guarujá. Durante a discussão, a prefeitura decidiu pela não realização da tradicional queima de fogos da virada de ano na orla da cidade.

Conforme a prefeitura, a medida tem caráter preventivo, com o intuito de desestimular eventos capazes de gerar grandes aglomerações no Ano Novo. A posição será levada pela administração municipal à próxima reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista (Condesb), marcada para o próximo dia 26.

Em relação a eventos fechados, a prefeitura cogita autorizar a liberação, desde que sejam seguidos protocolos sanitários rígidos. O assunto, porém, voltará a ser discutido após a reunião do Condesb.

Além de Guarujá, Santos também anunciou nesta segunda que a queima de fogos foi suspensa na cidade. Os eventos privados, onde é possível controlar o acesso do público, estão liberados, segundo informado pela administração.

A queima de fogos atrai cerca de 1 milhão de pessoas às praias da cidade, entretanto, foi cancelada, com o objetivo de manter a redução dos índices de casos de Covid-19. Santos informou que, no momento, não há previsão de restrição ou de barreiras sanitárias que impeçam a entrada de turistas na cidade.

VÍDEOS: As notícias mais vistas do g1


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar