Obras da Barreira do João Guarda podem iniciar até dezembro, diz Prefeitura de Guarujá, SP | Santos e Região

As obras de contenção na encosta do Morro da Barreira do João Guarda, em Guarujá, no litoral de São Paulo, têm previsão para serem iniciadas até dezembro deste ano. O Governo do Estado já anunciou a verba de R$ 23 milhões para a recuperação do local, mas para que haja a celebração do convênio, é necessário que o projeto técnico seja aprovado pelo estado.

A cidade reivindica a verba para as obras desde quando a área foi castigada pelas fortes chuvas, em março de 2020, tanto com o governo estadual quando o federal. Na ocasião, um grande deslizamento de terra provocou a morte de sete pessoas no local.

Na madrugada da última quarta-feira (20), houve um novo deslizamento na Barreira do João Guarda. Desta vez, ninguém ficou ferido. Três imóveis foram interditados previamente e um parcialmente.

Novo deslizamento ocorreu no Morro da Barreira do João Guarda, em Guarujá, SP — Foto: Reprodução

De acordo com a prefeitura, após insistentes cobranças, em junho foi realizada a liberação da verba. Em seguida, a Secretaria Municipal de Planejamento encaminhou uma concepção do projeto das obras à Secretaria de Desenvolvimento Regional do Estado, que identificou a necessidade de alguns ajustes. Eles foram realizados e o material técnico foi enviado novamente para análise e aprovação do estado.

Caso o material seja aprovado, ocorrerá em seguida a celebração do convênio, com previsão para ocorrer nas próximas semanas, segundo a administração municipal. Após a realização de trâmites burocráticos, como licitação e contratação da empresa, a expectativa é de que as obras sejam iniciadas até dezembro.

Ainda conforme informou a prefeitura, as intervenções são semelhantes ao trabalho que já foi feito no Morro da Bela Vista, conhecido como Morro do Macaco Molhado, e visam oferecer mais segurança aos moradores e bairros adjacentes, evitando novas tragédias. A obra neste morro foi entregue em fevereiro deste ano.

As técnicas para a estabilização do solo da encosta do morro ainda serão definidas. Entre as opções estão cortina atirantada, solo grampeado com concreto projetado e solo grampeado com aplicação de geomanta MacMat. Além disso, o local poderá também receber serviços de drenagem, a exemplo do que ocorreu no Bela Vista.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar