Mulher atira em vizinha no interior de SP e é presa; marido diz que esposa sentia ciúmes | Santos e Região

Uma mulher de 35 anos foi presa em flagrante após atirar com uma espingarda na vizinha dela, de 28, em Cajati, no interior de São Paulo. Segundo a Polícia Civil, o marido da mulher autuada por tentativa de homicídio alega que o crime foi motivado por ciúmes.

O caso aconteceu na quinta-feira (25) em um sítio no bairro Guaraú II. A polícia foi acionada pela equipe do Hospital Municipal Reynaldo Guerra, que atendeu a vítima.

A mulher de 28 anos teve ferimentos na região do colo, mas não chegou a ser perfurada pelo disparo. Ao g1, a autoridade policial da Delegacia de Cajati disse que isso teria acontecido porque a munição utilizada era velha, ou porque havia pouca pólvora na espingarda, de calibre .32.

Após coletar o depoimento da vítima no hospital, os policiais foram até o sítio no Guaraú II e encontraram a mulher que atirou na vizinha. Segundo a corporação, ela escondeu a arma e não informou onde o objeto estava. A mulher foi presa em flagrante por tentativa de homicídio e encaminhada à cadeia pública feminina.

O marido da presa disse que a espingarda era do pai dele e que o casal mantinha o item para defesa pessoal, já que moravam na zona rural. Disse também que a esposa faz uso de remédios controlados.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar