Mongaguá decide não realizar queima de fogos no Réveillon de 2021 | Santos e Região

A Prefeitura de Mongaguá, no litoral de São Paulo, decidiu não realizar a tradicional queima de fogos no Réveillon deste ano. A informação foi confirmada ao g1 por meio de nota nesta quinta-feira (25), e divulgada em live pelo prefeito Márcio Cabeça (Republicanos), na última segunda-feira (22).

Na Baixada Santista, Santos, São Vicente, Guarujá, Bertioga e Itanhaém também já optaram por não realizar a atração. Cubatão esclareceu que ainda não possui uma definição, enquanto Peruíbe informou que o processo de contratação da queima de fogos está quase finalizado. A decisão definitiva da realização ou não será tomada até 15 de dezembro.

Por sua vez, a Prefeitura de Praia Grande decidiu realizar a queima de fogos em quatro pontos da cidade durante o Ano Novo. O show pirotécnico, com cerca de 22 minutos, acontecerá em estruturas isoladas na faixa de areia, seguindo todas as normas de segurança.

No início de novembro, Mongaguá informou ao g1 que “cada cidade terá sua própria programação. Mongaguá tem sua tradicional queima de fogos e shows ao ar livre, atípicos, abertos para a população. Estamos estudando a possibilidade de terceirizar os shows ou fazer eventos menores, valorizando os artistas da cidade”.

Porém, nesta segunda-feira, o prefeito confirmou, durante uma live, que não haverá queima de fogos neste Réveillon.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar