MC Kauan vai para regime semiaberto uma semana após sorrir ao ser preso por tráfico de drogas no litoral de SP | Santos e Região

Segundo os advogados de MC Kauan, Marcelo e Yuri Cruz, a transição do regime foi feita a partir da aprovação de um recurso especial da defesa ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ). “Já havíamos conquistado uma vitória nesse sentido, para que iniciasse o cumprimento da pena no semiaberto. Hoje, foi feito o cumprimento à ordem de Brasília”.

Ainda de acordo com os advogados, a defesa agora aguarda a decisão de outro recurso, que tem como objetivo o cumprimento da pena em regime aberto ou em prestação de serviços à comunidade. Conforme apurado pelo g1, ainda não há data definida para a resposta do STJ.

MC Kauan foi preso em São Vicente, no litoral de São Paulo — Foto: Reprodução/TV Tribuna

Kauan Mariz de Oliveira, também conhecido como ‘MC Kauan’ ou ‘Koringa’, com 31 anos, foi preso pela primeira vez em janeiro de 2014, também em São Vicente, no litoral de São Paulo.

Na época, uma equipe da Polícia Militar (PM) fazia patrulhamento de rotina no bairro do Gonzaguinha, perto da Avenida Embaixador Pedro de Toledo, quando avistou o artista no momento em que ele pegava uma sacola branca por meio da grade de um edifício. Em seguida, o cantor se dirigiu à praia. Os agentes seguiram o funkeiro, que tentou fugir, mas foi alcançado.

MC Kauan é preso em São Vicente, SP, por tráfico de drogas

MC Kauan é preso em São Vicente, SP, por tráfico de drogas

Kauan tinha em posse 19 pinos de cocaína e 22 frascos plásticos contendo cloreto de metileno, ou seja, lança-perfume. Em outubro de 2019, houve a condenação na Justiça por tráfico de drogas. A defesa então entrou com recursos, e o artista pôde responder ao processo em liberdade.

O Ministério Público (MP) apresentou um recurso de apelação, que foi acolhido pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP).

MC Kauan foi preso na última terça-feira (23), também em São Vicente (SP).Enquanto era conduzido por agentes da Polícia Militar , o funkeiro sorriu e alegou ser inocente. O artista falou com a TV Tribuna, emissora afiliada à Rede Globo, que filmava a detenção, e disse ser “mais um brasileiro” em uma situação supostamente injusta (veja o vídeo acima).

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar