Jovem trans ‘renasce’ ao fazer cirurgia de retirada das mamas após campanha na web: ‘Queria chorar’ | Santos e Região

Sentir-se completo e se reconhecer em seu corpo era o sonho do analista de atendimento Benjamin Belchior, de 27 anos, um jovem trans que desejava fazer uma cirurgia de mamoplastia masculinizadora, que é a retirada dos seios. Agora, o morador de Santos, no litoral de São Paulo, conseguiu dar mais um passo em seu processo de “renascimento”, e após uma campanha virtual de arrecadação, fez o procedimento.

“É uma parada que transcende qualquer outro sentimento e qualquer outra coisa que eu já vivi. Foi como se, no dia 6 de dezembro de 2021, tivesse renascido o Benjamin. É sensacional. Parece que a minha vida começou agora”, afirma.

Há três anos, ele se reconhece como homem transexual, e buscava se “enxergar” no próprio corpo. Após a descoberta, ele começou a fazer uso de testosterona, com acompanhamento médico, e realizou até a retificação do nome, em janeiro deste ano. O processo foi intenso, conforme relatou ao g1, mas libertador. “Foi como tirar um peso das minhas costas, saber quem eu era e poder refletir isso para o mundo”, explica.

Mas, para ele, ainda era difícil se olhar no espelho e se reconhecer com algumas partes do corpo, como as mamas. Fazia com que ele não se sentisse completo. Por isso, surgiu a ideia de criar uma ‘vaquinha virtual’ para a arrecadação de dinheiro. Após a divulgação do pedido de ajuda, Ben conseguiu parte do valor para fazer a cirurgia.

Benjamin agora sente prazer em se olhar no espelho — Foto: Arquivo Pessoal

Até então, o jovem ia realizar o procedimento em São Paulo, mas um mastologista de Santos entrou em contato com ele pelas redes sociais e se ofereceu para fazê-lo por um valor mais baixo. Segundo ele, o profissional já havia feito a retirada de mama para alguns homens, e foi muito acolhedor. Então, decidiu fazer a cirurgia na cidade.

A previsão era para janeiro, no entanto, ainda no início de dezembro, ele conseguiu realizar o sonho. “Eu ainda estou aéreo, de tudo o que aconteceu e do quão rápido foi. Não achei que ia acontecer comigo, foi um milagre na minha vida”, comemora. Após a cirurgia, ele deixou de usar faixas e coletes para comprimir os seios, na tentativa de reduzir o volume da região das mamas.

O desejo de retirar as mamas era tão intenso que, durante a cirurgia, ele até sonhou que estava em uma praia, dentro do mar, já sem a camiseta e com o procedimento cicatrizado. “Quando eu acordei, a primeira coisa que eu pedi foi para colocar a mão no meu peitoral. Eu coloquei a mão e, nossa, que emoção. Eu queria chorar. Foi um misto de sentimentos”, finaliza.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar