Jovem de escola estadual aprovada em universidade na Coreia do Sul relata sofrer xenofobia no país: ‘não sou muito bem-vinda’ | Santos e Região

Para o futuro, a jovem planeja aprofundar seus conhecimentos na área [da administração de empresas] e, um dia, voltar para casa. “Estou certa de que desejo continuar viajando e conhecendo o mundo, fazer um mestrado para adquirir ainda mais conhecimento e poder trabalhar no Brasil, devolvendo tudo que aprendi na Coreia do Sul e no mundo, especialmente na questão de tecnologia para que nosso país se desenvolva”.


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar