Homem marca ‘encontro’ com mulher e é surpreendido por quadrilha no litoral de SP | Santos e Região

Um homem, de 41 anos, foi surpreendido por uma quadrilha na casa dele, no Jardim Virgínia, em Guarujá, no litoral de São Paulo, enquanto aguardava uma mulher com quem havia marcado um ‘encontro’. Segundo apurado pelo g1, dois criminosos foram presos, incluindo a mulher, e outros três conseguiram fugir.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), a vítima afirmou que marcou um encontro com uma pessoa na casa dele, mas, no horário combinado, chegou outra mulher, de 18 anos, acompanhada de quatro homens.

A vítima informou aos policiais ter reconhecido a mulher, pois já havia saído com ela. O homem lembrou que a suspeita tinha tentado extorqui-lo, acusando-o de sair com prostitutas menores de idade. Sobre o assalto, disse ter sido amarrado no sofá e que foi constantemente ameaçado.

A vítima relatou que os bandidos a bateram com a arma na cabeça, enquanto usavam o celular dela para realizar transações bancárias.

Para a vítima, a intenção dos criminosos era passar a noite com ela e esperar o sistema bancário liberar limite para novas transações. No entanto, como falavam alto, os vizinhos ouviram e acionaram a Polícia Militar.

Os bandidos perceberam que algo não ia bem e chamara o motorista para buscá-los. Assim que saíram do imóvel, a vítima diz ter conseguido se desamarrar e pedir ajuda. A PM chegou em seguida.

Segundo o BO, os criminosos roubaram um celular, documento de identidade, seis cartões bancários, 100 dólares, 15 euros, oito relógios de pulso avaliados em R$ 30 mil e dois notebooks, avaliados em R$ 5 mil. Os objetos foram recuperados.

Assim que chegaram ao local do crime e foram informados sobre o ocorrido, os PMs realizaram buscas pela região e abordaram um veículo, nele estavam o motorista e a mulher envolvidos no crime. Ambos foram reconhecidos pela vítima.

Embora não tenham confessado o crime, a mulher mostrou aos policiais o local onde os objetos da vítima foram guardados. Ela disse que foi chamada pelo motorista para fazer a ‘fita’, mas que não queria participar por não se envolver mais com assaltos. A decisão dela mudou quando ofereceram R$ 4 mil.

Aos policiais, a mulher confirmou que já conhecia a vítima, pois tinha saído com ela no começo do ano, enquanto era solteira. A criminosa disse, ainda, que, se soubesse que era ela não teria aceitado.

A mulher e o motorista foram presos e permanecem à disposição da Justiça. Os outros três criminosos conseguiram fugir. O caso foi registrado, na última segunda-feira (5), na Delegacia Sede de Guarujá, como roubo e extorsão. A Polícia Civil disse que investiga o caso.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar