Guarda-vidas recolhe caravelas-portuguesas vivas após dezenas aparecerem no litoral de SP | Santos e Região

Um guarda-vidas recolheu dezenas de caravelas-portuguesas vivas na orla de Santos, no litoral de São Paulo, nesta sexta-feira (7). Segundo o profissional, ele as realocou em um balde, para que banhistas não se ferissem, já que o animal pode causar queimaduras graves.

Ao g1, o guarda-vidas Luã Sampaio, de 20 anos, disse que essa foi a primeira vez que presenciou um local com tantas caravelas-portuguesas vivas. Ele trabalhava nas proximidades do Canal 2, quando notou a presença dos animais e começou recolhê-los em um balde.

Sampaio alerta que as caravelas-portuguesas queimam muito pelos tentáculos, que podem atingir metros, mas que a parte superior não apresenta riscos. Ele encontrou alguns exemplares do animal com tentáculos que, mesmo após cortar, ainda atingiam mais de um metro de extensão.

Parte superior das caravelas não queima, e tentáculos podem atingir metros — Foto: Arquivo Pessoal/Luã Sampaio

A caravela-portuguesa (Physalia physalis) vive nas águas de todas as regiões tropicais dos oceanos. Ela possui tentáculos cheios de células urticantes, e apesar de parecer um único animal, é uma colônia composta por muitos animais inter-relacionados (pólipos). Em caso de acidentes com as caravelas-portuguesas, a orientação é evitar jogar água no ferimento ou esfregá-lo.

O biólogo marinho e coordenador do Aquário de Santos, Alex Ribeiro, explicou ao g1 que a caravela-portuguesa é um cnidário, parente das águas-vivas e das anêmonas-do-mar. Alex afirma que esses animais marinhos acabam migrando a favor dos ventos e correntezas, e diz que, nessa época do ano, é mais comum a presença nas praias.

Ribeiro reforça que não há motivo para preocupação, pois a presença dessas caravelas-portuguesas é comum, esperada, e demonstra que o ambiente está equilibrado.

Dezenas de caravelas-portuguesas foram vistas na orla de Santos nesta sexta-feira (7) — Foto: Arquivo Pessoal/Luã Sampaio

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar