Força-tarefa determina o fechamento de escritório de empresa de aplicativo de transporte em São Vicente, SP | Santos e Região

A Prefeitura de São Vicente, no litoral de São Paulo, determinou o fechamento imediato do escritório de uma empresa de aplicativo de transporte que estava atuando de forma irregular na cidade. Os responsáveis já tinham sido intimados e multados em outra ocasião.

A administração municipal recolheu propagandas irregulares da empresa de serviço de transporte por aplicativo nos postes da cidade. A exploração de espaços públicos para propaganda e publicidade depende de autorização prévia da prefeitura. Em razão do descumprimento da lei pela empresa, ela já havia sido multada em abril deste ano no valor de R$ 44 mil.

Após o episódio, a prefeitura criou uma força-tarefa para identificar a base da empresa. Nesta sexta-feira (29), os fiscais da Secretaria do Comércio, Indústria e Negócios Portuários (SECINP), em conjunto com a Guarda Civil Municipal de São Vicente (GCM-SV), Polícia Militar e Secretaria do Meio Ambiente e Bem-Estar Animal (SEMAM), encontraram em pleno funcionamento o local que servia de escritório da empresa.

Segundo a prefeitura, os responsáveis foram intimados a encerrar as atividades imediatamente, já que não possuíam a devida licença de funcionamento.

Além disso, a força-tarefa apreendeu 15 caixas com adesivos para poste, seis banners pequenos, um banner médio, duas faixas e três placas grandes para postes.

Na ação, os fiscais também ratificaram a proibição de fixação de objetos em vias públicas, como a empresa vinha fazendo com os banners pendurados nos postes. Os responsáveis foram orientados a buscar os meios legais para autorização de publicidade no município.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar