Excesso de caminhões congestiona a rodovia Cônego Domênico Rangoni e a entrada de Cubatão, SP | Santos e Região

O excesso de caminhões, devido ao período da safra de soja, provoca congestionamento na rodovia Cônego Domênico Rangoni, em Guarujá, no litoral de São Paulo, na manhã desta quarta-feira (6). A rodovia Anchieta e a entrada de Cubatão também foram afetadas por conta da lentidão na Cônego. A Polícia Rodoviária realiza uma operação na estrada para aliviar o tráfego.

De acordo com a Ecovias, concessionária que administra a rodovia, há congestionamento do km 270 ao km 262 da rodovia Cônego Domênico Rangoni, sentido Guarujá, devido ao excesso de veículos comerciais em direção aos polos receptores.

A Polícia Rodoviária realiza o bloqueio temporário da via Anchieta, na altura do km 40, sentido litoral, próximo a São Bernardo do Campo (SP). A Ecovias explicou ao g1 que o bloqueio é estratégico, pois como o trânsito já chegou até o Anel Viário, em Cubatão, há possibilidade de travar o trecho de serra. Os veículos são liberados na via Anchieta, conforme o tráfego flui na Cônego Domênico Rangoni. Não há previsão de liberação. Por volta das 8h, a fila estava com 4 km.

Para auxiliar na fluidez, a Ecovias dá apoio ao policiamento e aos motoristas através de sinalizadores e orientando os condutores a pegarem vias alternativas e evitar viajar pela via Anchieta. A concessionária sugere que os motoristas, que saem da capital paulista com destino ao litoral, sigam pelo trecho de serra da Rodovia dos Imigrantes, evitando a Anchieta e a interligação com o trecho de planalto, que também está com fila de veículos.

A pista sul da Rodovia Anchieta está bloqueada no trecho de serra para obras. A previsão é que seja liberada às 17h. A descida é feita pela pista norte operacional da Anchieta e pista sul da Rodovia dos Imigrantes. A subida é feita somente pela pista norte da Imigrantes.

Segundo a Ecovias, o excesso de veículos de carga é causado pelo agendamento das empresas responsáveis pelas entregas. Para que haja controle e para evitar congestionamento, as empresas devem agendar com os órgãos fiscalizadores, como a concessionária e o policiamento rodoviário.

Transporte público em Cubatão

Em nota, A Companhia Municipal de Trânsito (CMT) informou que a linha de ônibus municipal deve sofrer atrasos nesta quarta-feira (6) por conta do congestionamento de veículos nas principais vias da Cidade, causado pela grande quantidade de caminhões que aguardam liberação nos terminais na rodovia Cônego Domênico Rangoni.

Para resolver essa questão, está marcada uma reunião com a CMT, Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania, Polícia Rodoviária e Usiminas, prevista para às 10h.

A CMT explicou que essa demanda, devido ao período da safra de soja, é maior que a capacidade de estacionamento das empresas, fazendo com que muitos fiquem na via aguardando entrar no pátio. A Rodopark, empresa de pátio logístico portuário, já havia informado à CMT que o fluxo de entrada é superior ao fluxo de descarga e que a ocupação do pátio não baixou desde as últimas chuvas, além de queda de energia que também intensificou o problema.

A Companhia disse ainda que já realizou uma reunião em 16 de março com representantes da indústria, Polícias Militar e Rodoviária e Ecovias a fim de implantar medidas e atuações às empresas que favorecerem colapso no trânsito, como o que aconteceu no dia anterior, além de ação conjunta para mitigar os efeitos do congestionamento.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar