Doze pássaros silvestres mantidos em cativeiro são localizados em residência em Cajati | Santos e Região

A Polícia Militar Ambiental localizou doze pássaros silvestres mantidos ilegalmente em uma residência em Cajati, no Vale do Ribeira, nesta segunda-feira (27). O responsável pelo imóvel confessou à polícia não ter autorização para manter os animais e recebeu multa no valor de R$ 6 mil.

Segundo a PM, agentes policiais realizavam um patrulhamento no bairro de Inhunguvira após receberem denúncias sobre pássaros silvestres em cativeiro. Foi então que a equipe localizou uma casa com várias gaiolas penduradas na parte externa.

De acordo com a polícia, na residência os agentes foram recebidos por um senhor, que informou não possuir cadastro técnico federal para manter os pássaros silvestres em sua casa. Conforme a PM informou, os animais além de não possuírem anilha de identificação, apresentavam sinais de nervosismo, o que indica que teriam sido capturados recentemente.

Dessa forma, o senhor da residência foi conduzido à Delegacia de Polícia de Cajati, onde recebeu multa no valor de R$ 6 mil por ter infringido o artigo 29 da Constituição, que pontua que caçar e apanhar animais silvestres sem devida permissão é crime.

Segundo a PM Ambiental, os doze pássaros foram soltos em habitat natural por apresentarem sinais de captura recente. As gaiolas foram destruídas no aterro sanitário de Jacupiranga.

Os doze pássaros silvestres mantidos em cativeiro foram soltos em habitat natural — Foto: Polícia Militar Ambiental

VÍDEOS: G1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar