Corpo deixado misteriosamente ao lado de delegacia em SP pode ser de assassino, diz polícia | Santos e Região

Segundo apurado pelo g1, o corpo foi encontrado embrulhado em diversos tecidos, na rua lateral da delegacia, no Centro da cidade, por funcionários da limpeza urbana. A vítima apresentava ferimentos por arma de fogo, na virilha e na cabeça. Uma testemunha informou às autoridades que suspeitos em um carro preto, sem placas, deixaram o corpo embrulhado na lateral da delegacia durante a madrugada.

De acordo com a Polícia Civil, há indicativos de que ele possa ser o autor do latrocínio que aconteceu na quinta, como a roupa, o tipo físico e aparência, que conferem com imagens obtidas que mostram o crime. Entretanto, ainda não foi confirmado o envolvimento.

A Polícia Militar foi acionada para atendimento da ocorrência e preservou o local até a chegada da perícia. O corpo foi removido do local e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande. A ocorrência foi registrada na própria Delegacia Sede, mas será investigada pela Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic).

Câmera flagra funcionário sendo baleado ao tentar impedir roubo em Guarujá, SP

Câmera flagra funcionário sendo baleado ao tentar impedir roubo em Guarujá, SP

José Fernando Alves de Lima, de 51 anos, morreu após ser baleado na cabeça ao reagir a um assalto e tentar golpear um dos dois criminosos que levavam um cofre do estabelecimento onde ele trabalhava, na Avenida São José, no bairro Paecará. Um vídeo, obtido pelo g1, mostra a ação dos criminosos. Dois homens chegaram de bicicleta no local e um deles, armado, entrou na loja de ferragens anunciando o assalto e exigindo dinheiro.

De acordo com o depoimento do dono do estabelecimento, o assaltante abriu a caixa registradora e viu que não tinha nenhum dinheiro no local. Antes de sair, ele pegou um cofre de madeira, que o proprietário não sabia se continha algum valor em dinheiro, e foi embora.

Quando saía, o José Fernando reagiu e tentou atingir o assaltante, mas não conseguiu contê-lo a tempo. O criminoso atirou na direção do funcionário, que foi baleado na região da cabeça. Em seguida, ele fugiu de bicicleta. Ele morreu no local.

O caso foi registrado no 2º Distrito Policial de Guarujá como roubo seguido de morte. A bicicleta e imagens de câmeras de monitoramento vão auxiliar a polícia a tentar identificar o outro suspeito latrocínio.

Delegacia Sede de Guarujá, SP — Foto: Luciana Moledas/G1

VÍDEOS: As notícias mais vistas do G1


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar