Casal de argentinos que tentou embarcar com cocaína no corpo em cruzeiro no Porto de Santos é condenado a cinco anos de prisão | Porto Mar

Os réus foram condenados em uma única sentença à pena de 5 anos, 8 meses e 1 dia de reclusão pela prática dos crimes. A sentença foi assinada pelo juiz da 5ª Vara Federal de Santos na última quarta-feira (6).

Eles foram detidos enquanto tentavam embarcar no cruzeiro MSC Preziosa. O navio estava atracado no Terminal de Cruzeiros Giusfredo Santini (Concais) no dia 7 de abril deste ano e tinha como destino final a Espanha. Imagens divulgadas pela Polícia Federal mostram que o homem estava com as drogas enroladas com fita isolante nas pernas (veja acima).

Segundo a Justiça Federal, atualmente Andrés Damián Castera se encontra preso na Penitenciária de Itaí (SP) e Xilene Noeli Irastorza na Penitenciária Feminina de Santana (SP).

Polícia impediu o casal de entrar com drogas em cruzeiro em Santos, SP. — Foto: Divulgação/Polícia Federal

De acordo com o relatório da condenação, na época, o casal de argentinos foi visto entrando no terminal de passageiros com “vestimentas suspeitas” e “comportamento apreensivo”.

Após a dupla passar pelo aparelho de scanner, uma revista corporal foi feita. Nesse momento, houve a suspeita de que eles levavam drogas por debaixo das roupas. A Polícia Federal foi acionada e encaminhou os dois à unidade da PF mais próxima.

Enquanto Andrés levava as drogas escondidas debaixo da bermuda, Xilene as escondia entre as saias e até em partes íntimas. Os dois confessaram o crime à Polícia Federal. Andrés assumiu que pretendia levar a quantidade de cocaína à Europa, mas que sua namorada não tinha conhecimento disso até duas horas antes de embarcar no cruzeiro.

Ele afirmou que receberia US$1 mil para transportar a droga e que tinha recebido o entorpecente de um homem, que pego um empréstimo na Argentina. Conforme o relatório, Andrés alegou que estava desempregado há dois anos e que aceitou cometer o crime porque precisava pagar pensão alimentícia à seus filhos. Já Xilene alegou que tudo aconteceu às pressas e que fez isso “por amor”.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar