Carreta com excesso de altura bate em viaduto antes de colidir contra passarela na rodovia Anchieta; vídeo | Santos e Região

A carreta com excesso de altura, que bateu em uma passarela e causou danos à estrutura na pista norte da rodovia Anchieta, nesta quarta-feira (17), já havia batido em um viaduto 2 km antes de chocar-se na passarela. Um vídeo obtido pelo g1 mostra a carreta batendo no viaduto, localizado no km 59 da rodovia, antes do acidente (veja o vídeo acima).

Nas imagens feitas por uma câmera de monitoramento da Ecovias e obtidas pelo g1, nesta quinta-feira (18), mostram a carreta seguindo na pista sentido São Paulo. Ela transporta a carga, embalada em um tecido verde, e passa rente ao viaduto.

Segundo a Ecovias, concessionária que administra o trecho, a carreta bateu no viaduto, mas não causou danos à estrutura. O viaduto é uma interligação da Baixada Santista, chamada SP-059, e tem 5,51 metros de altura. Já a carreta, tem 5,86 metros.

O g1 entrou em contato com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) para verificar se o motorista da carreta receberá multa pela ocorrência, mas não obteve retorno.

Carreta com excesso de altura colidiu contra passarela da Via Anchieta em Cubatão, SP — Foto: Reprodução

A passarela de travessia de pedestres na rodovia Anchieta foi deslocada após a carreta com excesso de altura colidir contra a estrutura dela, no trecho da pista na altura de Cubatão. A carreta não tinha autorização especial para circular no Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI).

As obras de reparo da passarela de pedestres devem durar cerca de 30 dias, segundo previsão da Ecovias.

Carreta com excesso de altura chocou-se contra passarela no km 57 da pista norte da Via Anchieta — Foto: Janaina Hohne/g1

O acidente aconteceu por volta das 6h45. A carreta, que trafegava na pista sentido São Paulo, bateu contra a estrutura no km 57, que foi deslocada com a colisão. Por precaução, os dois sentidos da rodovia foram bloqueados para perícia técnica da estrutura.

A rodovia foi liberada, por volta das 15h45, segundo a concessionária. Em nota, a Ecovias informou que a avaliação técnica identificou a necessidade de mover a estrutura de volta à sua posição original e realizar um escoramento para reforçar o pilar.

A empresa disse, também, que a solução encontrada para liberar o trecho o mais rapidamente possível foi contratar um guindaste para fazer a movimentação e escorar a passarela até a chegada de um material metálico para escoramento, que ficará no local enquanto as obras de reparo durarem.

Acidente causou o deslocamento da passarela na Via Anchieta em Cubatão, SP — Foto: Nina Barbosa/g1

A carga da carreta que causou o acidente em questão tem 5,86 metros de altura e não possuía a Autorização Especial de Trânsito (AET), necessária para este tipo de transporte.

Segundo a Ecovias, o Sistema Anchieta Imigrantes (SAI) possui um esquema especial para o transporte de cargas que possuem dimensões e pesos maiores que o habitual. As mais comuns são: turbinas, peças industriais, tratores, escavadeiras, barcos, pás eólicas, motores e transformadores.

Por nota, o Grupo Geloq, responsável pela carreta que transportava com excesso de altura, informou que a empresa “está focada no emprego de todos os esforços e meios disponíveis para a solução da ocorrência e colaborando com as autoridades para apuração das causas”.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar