Cão forçado a cheirar cocaína e chamado de ‘feio’ ganha novo lar e ‘irmão gêmeo’ no litoral de SP | Santos e Região

Após o resgate, o cão ficou por aproximadamente um ano no instituto, localizado em Santos, no litoral de São Paulo. Ele foi chamado de ‘feio’ por uma outra mulher, sem identidade revelada, que se mostrou interessada na adoção dele. Dois meses depois, a advogada Gabriela Franciulli se candidatou e, há uma semana, Drácula vive na capital paulista com ela.


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar