Caçadores com animais abatidos são multados em mais de R$9 mil no interior de SP | Santos e Região

Dois caçadores foram multados em mais R$ 9 mil com animais silvestres abatidos em Cajati, no Vale do Ribeira, no último domingo (8). Uma equipe da Polícia Militar Ambiental realizou o flagrante após uma denúncia de caça ilícita.

Os policiais se direcionaram ao bairro Moarama e a equipe se deparou com os caçadores em uma motocicleta. Um dos homens estava com uma grande mochila nas costas. Os policiais suspeitaram da dupla e os abordaram, já que o local tem grande incidência de ocorrências ambientais envolvendo a prática de caça ilegal.

Os policiais revistaram a mochila do suspeito e encontraram um quati abatido que tinha pouco mais de 5 kg, um tatu abatido que pesava 1,7 kg e um gambá abatido com 1,9 kg. Ao serem questionados, eles informaram que abateram eles na mata durante a noite anterior.

Caçadores são pegos com animais silvestres abatidos e são multados em mais de R$ 9 mil no interior de SP — Foto: Divulgação/ Polícia Militar Ambiental

Os policiais encaminharam a dupla até a Delegacia de Polícia Civil de Cajati, junto à motocicleta e os animais abatidos. O caso foi registrado como infração ambiental por matar espécimes da fauna silvestre e apreensão de animais silvestres.

A dupla foi multada em R$ 9,3 mil por matar espécime da fauna silvestre, sem a devida autorização da autoridade competente e em seguida foram liberados. Segundo a Polícia Militar Ambiental, a carne dos animais abatidos foi encaminhada até o aterro sanitário municipal de Jacupiranga (SP) onde foi destruída para que não fosse novamente utilizada.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar