Brasileira que sofreu grave acidente na lua de mel em Punta Cana recebe alta e aguarda autorização para voltar ao Brasil | Santos e Região

De acordo com Jhordan, o estado de saúde da esposa estão progredindo. O casal aguarda o resultado de exames que Flávia fará, nesta terça-feira (18), para confirmar se a jovem pode decolar e retornar para casa, em Praia Grande, no litoral de São Paulo.

Jhordan Abdalla e Flávia Martinez passavam a lua de mel em Punta cana quando foram vítimas de um grave acidente — Foto: Arquivo pessoal

“Graças a Deus estamos bem. A Flávia também está muito mais forte. Temos que ficar aqui até amanhã [terça-feira] para tirar os pontos, e a Flávia vai fazer exame para ver se já pode voar. Se der tudo certo, na quarta já voltamos. Ela estava com um pouco de anemia, está tomando ferro, mas já deve estar tudo bem. Ela está bem mais fortinha agora”, declarou.

Após o acidente, Jhordan, que é analista de negócios, ficou com os braços ralados e precisou de alguns pontos. Flavia, que é auxiliar administrativa, bateu a cabeça e ficou com metade do rosto muito inchado, conforme descrito pelo marido. Por conta disso, ela precisou ser internada na UTI e passou por uma cirurgia.

Casal mora em Praia Grande, no litoral de SP e aguarda liberação médica para voltar para casa — Foto: Arquivo pessoal

Um acidente com um ônibus de turismo em Punta Cana, na República Dominicana, deixou pelo menos três mortos e mais de 30 feridos. Havia brasileiros a bordo, segundo divulgado pela imprensa local e confirmado pelo Itamaraty. O acidente aconteceu no dia 7 de outubro em uma região turística. O destino do ônibus era uma ilha próxima.

Ônibus de turismo onde o casal estava virou em rodovia deixando vítimas feridas e fatais — Foto: Reprodução

A lista de nomes e nacionalidades divulgada pela mídia dominicana aponta que havia turistas dos seguintes países:

  • Argentina
  • Brasil
  • Chile
  • Colômbia
  • México
  • Peru

Segundo o diário argentino “Clarín”, as vítimas fatais são duas argentinas e uma peruana.

O motorista do ônibus, Franklin Nín Pérez, afirmou inicialmente que um caminhão fechou o espaço para o ônibus na rodovia. Um vídeo gravado no local não mostra o caminhão. De acordo com a mídia dominicana, um pneu pode ter explodido quando o ônibus estava em movimento.

Uma chilena que estava no ônibus afirmou que o veículo estava em alta velocidade. Ela afirma que o motorista perdeu o controle em uma curva e capotou. O caso está sendo investigado.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar