Boto-cinza encontrado morto em praia de SP chama atenção de moradores pelo tamanho; VÍDEO | Santos e Região

O corpo de um boto-cinza encalhou na Praia das Astúrias, em Guarujá, no litoral de São Paulo, na noite de domingo (1°). Segundo os moradores que o encontraram, o animal tinha “grande porte” e exalava um forte odor. A carcaça foi recolhida por uma equipe do Instituto Gremar na manhã desta segunda (2).

Segundo o instituto, o boto-cinza da espécie Sotalia guianensis, era adulto e tinha 1,63m de comprimento. O corpo foi encontrado em avançado estado de decomposição, o que dificulta a identificação da causa de morte no exame de necropsia.

Ainda assim, o Gremar ressalta que amostras foram recolhidas e serão analisadas no Centro de Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos, em Guarujá. A prefeitura salientou que o mamífero foi encontrado próximo ao posto do Corpo de Bombeiros da Praia das Astúrias.

O instituto pontua que o boto-cinza, de hábitos costeiros, está classificado como “vulnerável” na lista da fauna brasileira de espécies ameaçadas de extinção.

O Gremar monitora animais marinhos no trecho entre São Vicente e Bertioga, na Baixada Santista. Para acionar o serviço de resgate de mamíferos, tartarugas e aves marinhas, vivos debilitados ou mortos, a população pode entrar em contato pelos telefones 0800-6423341 ou (13) 99711-4120.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar