Bandidos invadem delegacia em SP e soltam líder de facção criminosa em ação cinematográfica; mais dois fugiram | Santos e Região

Pelo menos dois integrantes de uma organização criminosa, que atua com tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, foram resgatados de uma delegacia por homens armados com fuzis, horas depois de terem sido presos em uma operação da Polícia Civil. Um deles foi apontado como o líder da facção pelas investigações. Um terceiro preso se aproveitou da ação e também conseguiu escapar.

Roberto Prieto Filho, conhecido como ‘Betinho’, e Pablo Ribeiro Lopes Santos foram presos por agentes da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de Itanhaém nesta quinta-feira (13) na cidade vizinha, Guarujá, durante mandado de busca e apreensão.

Criminosos usaram escada para acessar pátio de cadeia anexa ao 1º DP de Guarujá e resgatar presos — Foto: Thaís Rozo/g1

Em um dos endereços alvo da operação, um escritório no Sítio Paecará, foi encontrado um tijolo com cocaína de alto teor, destinada à exportação, segundo a polícia. Roberto foi apontado como líder da quadrilha, enquanto Pablo estaria ligado também ao tráfico de drogas e à ocultação de bens ligados ao líder.

Os criminosos foram encaminhados à Cadeia anexa ao 1º DP, localizado no distrito de Vicente de Carvalho. Segundo apurado pelo g1, por volta de 5h desta sexta-feira (14), homens armados com fuzis conseguiram acessar o pátio interno com escadas posicionadas por eles no local.

Cumprimento de mandados de busca e apreensão resultou na prisão dos dois integrantes da facção — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Os homens abriram fogo para evitar ação dos carcereiros, aproveitando o momento para a fuga dos dois presos. Um terceiro preso teria se aproveitado da situação para também escapar da cadeia. Segundo a Polícia Civil, ninguém ficou ferido durante o ataque.

VÍDEOS: as notícias mais vistas do g1


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar