Após repercussão na web, mulher com câncer de mama invasivo e agressivo consegue liberação para o tratamento | Mais Saúde

“Ele [o médico] saiu e me passou para a médica que assumiu. Vou nela pela primeira vez no dia 26. O plano já deu a guia, porém, agora começa a luta com a médica. Vamos ver como será, pois temos que tirar o tumor no máximo em dois meses após a última ‘quimio’. Estou na metade, deve acabar em abril. Se passar desta data, é praticamente em vão o que fiz”, ressaltou Thuanny.


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar