10 anos de g1 Santos: Veja lista de reportagens mais lidas a cada ano | Santos e Região

O g1 Santos completa 10 anos de história nesta quarta-feira (11). No período, o portal, que acompanha as principais notícias do litoral de São Paulo e do Vale do Ribeira, já publicou milhares de reportagens.

Em uma década, foi possível informar, contextualizar, entreter e até emocionar os internautas com histórias regionais que ficaram conhecidas no Brasil e no mundo.

Em um conteúdo especial para celebrar a data comemorativa, o g1 fez um ranking com as 10 matérias mais lidas de sua história. Confira, abaixo, em ordem crescente:

Ana Carolina Teixeira ficou uma semana internada após ser atropelada — Foto: Angélica Goudinho/Arquivo Pessoal

No ano de estreia do portal de notícias, uma história comoveu os moradores da região. A jovem Ana Carolina Cópia Teixeira, de 21 anos, morreu por conta de uma parada cardíaca, após ficar mais de uma semana internada em um hospital de Santos.

Ela mobilizou um número recorde de doadores de sangue após uma campanha realizada por amigos em uma rede social. Em um único dia, 59 pessoas chegaram a procurar um hospital para fazer a doação.

Carro ficou destruído após o acidente — Foto: Tarcisio Sween/VC no g1

Em novembro de 2013, uma jovem de 19 anos morreu após bater o carro contra uma pilastra de uma passarela na Rodovia Padre Manoel da Nóbrega, na altura da cidade de Itanhaém, no litoral de São Paulo. Segundos antes do acidente, ela tirou uma foto do velocímetro em alta velocidade.

Conforme informado à reportagem pela polícia na ocasião, a mulher dirigia a 170 km/h, e essa pode ter sido a causa da colisão.

Equipamentos de circuito ficaram destruídos — Foto: Alexandre Valdívia/g1

No terceiro ano do g1 Santos, uma tragédia de repercussão internacional aconteceu na região. O então candidato à Presidência da República Eduardo Campos morreu em um acidente de avião em Santos, no litoral de São Paulo.

O portal reuniu diversas fotos que registraram o ocorrido. No total, 61 conteúdos diferentes apresentaram para o mundo um dos acontecimentos mais marcantes da história da cidade.

Incêndio na Ultracargo durou mais de uma semana — Foto: Reprodução/TV Tribuna

Um incêndio atingiu tanques de combustíveis da empresa Ultracargo, em Santos, no litoral de São Paulo. As chamas começaram em 2 de abril de 2015, mas o fogo só foi extinto completamente oito dias depois.

Na ocasião, o g1 fez uma ‘tempo real’ para retratar, passo a passo, o ocorrido para o público. O conteúdo transmitido ao vivo foi acessado por milhões de internautas.

Trata-se, inclusive, do maior incêndio do gênero já registrado no país, segundo a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

Menino de 13 anos morreu após partida de jogo on-line. — Foto: Arquivo pessoal

Em outubro de 2016, um garoto de 13 anos morreu menos de 24 horas depois de ser encontrado dentro do quarto do pai com uma corda enrolada no pescoço e em frente a um computador. Na época, a família levantou a suspeita de que o incidente teria relação com um “desafio” praticado por jogadores de um game online que o rapaz costumava brincar com os seus amigos.

Conforme reportado, um tio materno do jovem, após realizar uma pesquisa, identificou a prática de alguns apaixonados por League of Legends. Quando alguém perdia uma partida, os jogadores davam ao perdedor o desafio do Choking Game, ou “jogo da asfixia” – a pessoa interrompia o fluxo de ar com as mãos ou com objetos para induzir desmaios, tontura ou estado de euforia.

G1 em 1 Minuto: Vídeo mostra turista sendo atingida por raio em Itanhaém

G1 em 1 Minuto: Vídeo mostra turista sendo atingida por raio em Itanhaém

Um vídeo que flagrou uma turista sendo atingida por um raio na Praia do Sonho, em Itanhaém, no litoral de São Paulo, gerou grande repercussão na região. O conteúdo em questão foi registrado por um morador da cidade.

Nas imagens, é possível identificar que a mulher caminhava tranquilamente pela beira do mar, mesmo após a tempestade ter se formado. Em determinado momento, ela é atingida em cheio pelo raio e cai no chão.

Gerivaldo Andrade, de 39 anos, foi preso após confessar estupro em menino de 8 anos — Foto: Arquivo pessoal

Em outubro de 2018, um homem foi preso em Cubatão (SP) após estuprar um menino de oito anos. O crime foi descoberto depois que a criança, assustada, disse aos pais que “nasceria um bebê” da própria barriga.

“A família estava reunida, no domingo de eleições, quando o menino comentou com os pais que um bebê iria sair da barriga dele. Eles conversaram com o filho, que disse o que havia acontecido no dia anterior”, contou na época a delegada Mayla Ferreira Hadid, titular da DDM.

Segundo informações apuradas pela polícia na ocasião, o estupro ocorreu em uma casa vizinha à da vítima.

Médica cai no golpe do Whatsapp e leva prejuízo de R$ 1.500 — Foto: Reprodução

Em um dos “golpes de WhatsApp” que mais gerou repercussão entre os leitores do g1, uma médica, além do prejuízo de R$ 1.500, ainda teve que aguentar uma “brincadeira” do criminoso.

Na ocasião, a mulher recebeu uma mensagem que supostamente seria de uma amiga pedindo dinheiro. Ela transferiu a quantia e depois descobriu que o número da colega havia sido clonado.

“Ele [golpista] disse: ‘Parabéns, você é uma ótima amiga. Me perdoe, mas você tem que aprender a dizer não’. E eu respondi que ‘sim, fica a lição'”, contou a médica.

Banhistas são arrastados pelo mar durante ressaca em Guarujá

Banhistas são arrastados pelo mar durante ressaca em Guarujá

Em fevereiro de 2020, o mar em uma das praias de Guarujá, no litoral de São Paulo, deu um susto nos banhistas. Um vídeo obtido pelo g1 mostra o momento em que a água invade a faixa de areia e arrasta cadeiras, guarda-sóis e, até mesmo, algumas pessoas que desfrutavam do dia ensolarado.

Algumas tiram rapidamente seus pertences da areia para evitar que eles fossem levados pela maré, mas nem todas tiveram sucesso. No fim do conteúdo, é possível ver diversos banhistas no mar em busca dos objetos. Apesar do susto, ninguém ficou gravemente ferido.

Bolas misteriosas em praia de SP — Foto: Diogo Cavalcanti de Souza/Arquivo Pessoal

Em uma das reportagens de maior repercussão na história do g1 Santos, moradores de Peruíbe, no litoral de São Paulo, registraram centenas de bolas escuras na faixa de areia das praias da cidade. As imagens feitas no local viralizaram nas redes sociais.

Na época, a prefeitura informou à reportagem que, na verdade, tratava-se de um fenômeno natural, e que as bolas eram formadas por lama negra.

Ana Carolina estava de plantão quando foi encontrada morta em pronto socorro — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Em janeiro deste ano, uma médica de 30 anos foi encontrada morta dentro de um banheiro do Pronto Socorro de Cubatão.

Conforme apurado pelo g1, o corpo de Ana Carolina Borges Gorga foi encontrado durante o plantão da profissional no local. Por meio das redes sociais, pacientes, amigos e familiares prestaram diversas homenagens.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos


Fonte Original

Compartilhar
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
EnglishPortugueseSpanish
Fechar
Fechar